Páginas

24 de out de 2014

Carta em poesia

Belo Horizonte, 24 de outubro de 2014

Há falta de amor,
Aquele que insiste em rimar com dor,
Que também anda em falta...

Há falta de sentimentos claros,
Sobram respostas vagas,
Alienam o linear da vida...

Esta, que também está em falta,
Pois só na vida se encontram 
Esses sentimentos que nos faltam,
Nos calam, nos atrasam...

Só na vida há amor, dor, clareza 
E um dia, sem nada a espera,
Acham-se respostas...


Atenciosamente,
Milena Renata Borges de Lima